O trabalho da ONG GET A SMILE desenvolvido em janeiro de 2020 levou ajuda humanitária para alunos e moradores de Guiné-Bissau.

Dentre as atividades desenvolvidas, o Professor Chrystian Barreto ensinou o Tapembol na Ilha de Bolama e em Canchungo, lugares remotos do País Africano.

Saiba mais sobre a GET A SMILE ORG no Facebook.

Ilha de Bolama
Canchungo

MISSÃO HUMANITÁRIA

Depoimento do Professor Chrystian Barreto, de Cuiabá, Mato Grosso, revela os detalhes da experiência com o Tapembol na Ilha de Bolama e Canchungo

A experiência de levar o Tapembol para Guiné-Bissau foi sem dúvidas uma das maiores contribuições que eu pude fazer - enquanto professor - para a Educação Física.

Contribuição essa que se intensificou quando tocamos o solo da ilha de Bolama, um paraíso banhado pelas águas do atlântico norte. Naquele lugar eu encontrei crianças e jovens sedentos por novas experiências que nós poderíamos oferecer-lhes.

Foi sem dúvidas indescritível as cenas que nós todos protagonizamos naquele chão de terra da Escola Adventista Betel de Bolama, pois o Tapembol foi apresentado a eles da mesma maneira que começou a ser praticado no Brasil a tempos atrás. Pude perceber muita entrega e entusiasmo, e eu dividi com eles esses sentimentos do início ao fim.

Na verdade eu creio que não terá fim, pois a entrega e o entusiasmo do povo africano são eternos, e eu como professor de Educação Física espero que a minha trajetória seja assim também, com muita entrega e entusiasmo. Gratidão a Deus pelas oportunidades que a Educação Física me proporciona.
CHRYSTIAN BARRETO
Professor de Educação Física

ILHA DE BOLAMA

O Professor Chrystian Barreto ensina o Tapembol para as crianças da Ilha e deixa uma bola de presente para que as atividades continuem na Escola Adventista Betel de Bolama.

CANCHUNGO

O Professor Chrystian Barreto mostra o Tapembol em um jogo prático à sombra de uma grande árvore. As traves foram improvisados com cones para marcar o gol.

Deixe um comentário sobre o Tapembol